sábado, 4 de janeiro de 2014

Esse ano você vai conseguir mudar para melhor!

Porque é tão difícil mudar ?

É muito  comum ouvirmos por aí que e preciso mudar, ou trilhar novos rumos ou até mesmo mudar de vida. Como se fosse fácil, só estalar o dedo e, eis ai uma nova criatura novinha em folha. Ah! Se fosse assim...

Quando chega um novo ano então, lá vem outra vez aquela lista enorme de promessas todas elas bem intencionadas, mas  nós fracassamos em quase todas elas.

Você e eu, bem sabemos que não é tão simples. Durante a vida toda passamos a formar o nosso jeito de viver, aliás, jeito que não é tão nosso, uma vez que aprendemos muito do jeito dos outros, apropriando-nos  de suas  manias. Parece que os maus hábitos não são fáceis de deixar e os bons hábitos, esses são dificílimos de praticar. Muitos ficam desesperados outros desistem de tentar mudar.

Um exemplo bem apropriado para ilustrar essa situação é aquele em que um trabalhador apenas limpa um pequeno terreno para cultivar uma horta, porém o abandona,  meses depois ele volta e vê a área toda coberta por plantas daninhas. De novo pacienciosamente ele capina o terreno, mas dessa vez faz bem diferente. Ele constrói canteiros, planta vários tipos de verduras, irriga e evita os predadores estraguem a horta.   Algum tempo depois de muita perseverança surgem as mais lindas hortaliças no lugar onde só havia mato.

Essa pequena história mostra que os maus hábitos surgem em nossa vida sem esforço algum, todavia os bons hábitos precisam ser cultivados diariamente para serem efetivamente consolidados.

Costumo enumerar três obstáculos para a mudança de hábitos. Fatores que poderia ter impedido o apóstolo Pedro de ir encontrar a Cristo sobre as águas do Mar da Galileia

1.   Falta de consciência - se você não se conscientizar que tem que mudar ninguém poderá fazer por você. No caso do apóstolo que vantagem ele teria? Segundo episódio bíblico ninguém teve a fantástica sensação de andar sobra as águas.

2.   Zona de conforto - sabe que demanda tempo e esforço e se você não esta disposto a pagar o preço nada de novo vai acontecer em sua vida. No caso do apóstolo lá no aconchego barco estava bem melhor que enfrentar a tempestade.

3.   Medo de parecer ridículo – “o que os outros vão pensar de mim’’  ou “eu não serei eu mesmo se deixar esse hábito” No caso do apóstolo ele sentiu envergonhado ao ser tido como homem de pouca fé

Fato é que até os bons hábitos podem ser automáticos em nossa rotina diária, isso ocorre depois de certo tempo de consolidação. Uma prova disso é a escovação costumeira de nossos dentes. Imagina que no passado,  quando crianças, nossas mães nos mandavam ao banheiro para escovar os dentes e nós sentíamos a maior dificuldade. Hoje vamos naturalmente ao banheiro escovamos os dentes sem darmos contas que isso já foi, no passado, uma tarefa tão difícil.

Veja, com disciplina e perseverança você vai conseguir perder aqueles quilinhos a mais, vai ler o livro que a tanto tempo você planeja,  vais ser mais estudioso, mais trabalhador mais caprichoso, abraçar mais, vai amar mais, quanto aos outros hábitos, você vai ter grande vitoria sobre  maus e cultivar os bons.

Finalmente você vai ser uma pessoa realizada e feliz.

Entre em contato conosco.